quarta-feira, 16 de março de 2011

Viver ou juntar dinheiro?



Mensagem muito interessante de um ouvinte da CBN :

"Prezado Max meu nome é Renato, tenho 61 anos, e pertenço a uma geração azarada.Quando eu era jovem as pessoas diziam em escutar os mais velhos, que eram mais sábios agora me dizem que tenho de escutar os jovens porque são mais inteligentes.Na semana passada eu li numa revista um artigo no qual jovens executivos davam receitas simples e práticas para qualquer um ficar rico.

E eu aprendi muita coisa. Aprendi por exemplo, que se eu tivesse simplesmente deixado de tomar um cafezinho por dia, durante os últimos 40 anos, eu teria economizado R$ 30.000,00. Se eu tivesse deixado de comer uma pizza por mês teria economizado R$ 12.000,00 e assim por diante. Impressionado peguei um papel e comecei a fazer contas, e descobri para minha surpresa que hoje eu poderia estar milionário.

Bastava eu não ter tomado as caipirinhas que eu tomei, não ter feito muitas das viagens que fiz, não ter comprado algumas das roupas caras que eu comprei, e principalmente não ter desperdiçado meu dinheiro, em itens supérfluos e descartáveis.

Ao concluir os cálculos percebi que hoje eu poderia ter quase R$ 500.000,00 na conta bancária. É claro que eu não tenho este dinheiro. Mas se tivesse sabe o que este dinheiro me permitiria fazer?
Viajar, comprar roupas caras, me esbaldar com itens supérfluos e descartáveis, comer todas as pizzas que eu quisesse e tomar cafezinhos à vontade.

Por isso acho que me sinto feliz em ser pobre. Gastei meu dinheiro com prazer e por prazer.E recomendo aos jovens e brilhantes executivos, que façam a mesma coisa que eu fiz.Caso contrário eles chegarão aos 61 anos com um monte de dinheiro, mas sem ter vivido a vida. "


Recebi por e-mail e repasso a vocês, porém quem souber o autor deixe nos comentários.

7 comentários:

  1. Penso como ele! Sinto muito seres economicos e economistas. Viver é simplemente , viver!

    ResponderExcluir
  2. Afinal, esse é o propósito da vida. Viver as experiências. De que adiante chegar a 3° idade cheio de dinheiro mas não ter mais tanto tempo pra aproveitar? Até porque, cada fase da vida é única.
    Os 60 anos não são iguais os 40, assim como os 30 não são iguais os 20. Cada idade tem suas vivências boas e ruins que só existem naquela idade, e nenhuma outra. A vida não é igual a vida inteira, o que voce perder, já perdeu!

    Felizmente a internet esta em uma fase na qual há formas de ganharmos muito dinheiro com pouco tempo de trabalho, completamente diferente a qualquer trabalho convecional. Não sei se será sempre assim, mas por enquanto, tem muita renda pra extrair na internet.
    Pra quem quizer saber mais sobre a oportunidade que a empresa que eu trabalho oferece pra trabalhar em casa, mande-me e-mail: filipeswinter@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Tudo ao extremo é ruim, devemos estar ciente da nossa necessidade. É claro que podemos juntar pois muitas vezes é necessário, mas não podemos esquecer de viver e principalmente de aproveitar a nossa juventude, pois um dia ela se acaba.

    ResponderExcluir
  4. É uma cópia perfeita de Max Gehringer

    FONTE:
    http://www.youtube.com/watch?v=VCFCEklxDYM

    ResponderExcluir
  5. Oiiii
    acredito no caminho do meio, não da para economizar tanto a ponta de não tomar um cafezinha ou comprar alguma coisa legal, mas sem exageros para mais para frente ter uma graninha...
    abçs

    ResponderExcluir
  6. realmente tem q saber usar dinheiro e seja dono dele não escravo. Muito bom artigo Parabens.

    ResponderExcluir
  7. Acredito que o melhor caminho é tentar estar entre 8 e 80. A difícil arte do bom senso, do equilíbrio. Pois aprendemos com os mais velhos que "Nem tanto ao mar nem tanto à terra".

    ResponderExcluir